Reflexões de Mãe

Quando a vontade de sumir bate forte



Hoje não iria fazer nenhum post por aqui. Não estava inspirada, não estava afim. A verdade mesmo é que estou extremamente cansada. Sem a menor paciência para sentar atrás de uma tela e falar sobre filhos, sobre casamento, sobre autoestima, sobre nada. No entanto, escrever alivia minha alma. Faço porque amo, não porque tenho a obrigação de fazer. Se assim não fosse, talvez o Baby Dicas teria morrido nos primeiros meses de vida.

Hoje estava com vontade de pegar um avião para um lugar distante – uma praia ou até mesmo um lugar bem frio – onde eu não escutasse choro, não escutasse brigas, não escutasse gritos. Simplesmente não tivesse qualquer barulho. Tudo bem, o barulho do mar, com toda certeza, eu me daria por vencida e ali me jogaria.

A carga de ser mãe em tempo integral tem me consumido. Consumido o juízo, consumido a paciência, consumido o meu ser. Não é exagero! Quem tem 03 filhos pequenos – no estilo escadinha – sabe bem como é a rotina, como é o dia a dia. Educar cansa, ensinar cansa, cuidar da casa cansa ainda mais. E o fato de ser mãe em tempo integral, faz com que os outros te cobrem por isso.

Você se cobra, porque o filho caçula ainda não está falando – porque a pediatra disse que isso não é normal, e que você precisa sentar e estimulá-lo; você se cobra novamente, porque o filho mais velho não está acompanhando a turma na pré-alfabetização, apesar de já ter lido tudo a respeito sobre a idade ideal para que a criança fosse alfabetizada; você se cobra, porque a casa não está incrivelmente impecável para quando o marido chegar.

Leia também: Eu não vivo para os meus filhos

A grande verdade, atrás disso tudo, é que hoje, a vontade de sumir do mapa bateu forte! A carga de ser mãe, esposa, dona de casa, empreendedora não é fácil, é pesada. E muitas vezes, nos cobramos demais, além das cobranças externas, aí, realmente, só um chá de sumiço para amenizar tudo isso. Como não posso sumir, escrevo estas linhas como uma forma de colocar todas as minhas culpas, os meus cansaços para fora.

Com muito cansaço,

Bárbara Sarkis

Leia ainda: Eu não tenho paciência com os meus filhos



  • Dá aqui um abraço amiga…
    #tamojunto
    beijao

  • Cristiane Santos

    Me sinto assim constantemente….
    Tenho uma filha pré adolescente e um pequeno de três anos. Passo por duas fases totalmente diferentes e parece que não vou alcançar os objetivos com nenhum deles. Busco força em Deus pra não desabar de vez.
    Desculpe o desabafo….

  • Boa forma Sem Paranoia

    Obrigada querida assim dá pra saber que estamos no mesmo barco se eu tivesse escrito não descreveria tão bem como me sinto

  • Thaissa De Melo Galante

    Nossa as vezes é assim mesmo! E como Boas mães cheias de culpa se vc chegar até a porta ainda pensa se não deveria levar as crianças junto!