Bem Estar, Comportamento, Mommies & Goodies, Reflexões de Mãe, Relacionamento a dois, Saúde e bem estar

Quando foi a última vez que você transou com o seu parceiro?



Quando foi a última vez que você transou com seu parceiro? Se tiver menos de 30 dias, pode comemorar, porque a vida sexual de vocês está bem melhor do que a de muitos casais por aí. É sério!

O site Help-Link.co fez uma pesquisa com dois mil pais britânicos, e 1 a cada 5 casais simplesmente não tem mais relações sexuais depois da chegada dos filhos. A pesquisa também mostrou que 31% deles não estão mais apaixonados; 12% dormem na cama com os filhos, mais do que três vezes na semana; 56% lutam para conseguir um dia no mês para transar, enquanto que 24% não estão satisfeitos com a vida sexual.

Se tiver menos de 30 dias, pode comemorar, porque a vida sexual de vocês está bem melhor do que a de muitos casais por aí

Confesso que me arrepiei ao ver os resultados desta pesquisa, mas depois de conversar com muitas leitoras e seguidoras nas redes sociais, cheguei à conclusão – não científica, tá? – de que essa realidade é bem próxima da realidade dos pais brasileiros.

A diferença, entretanto, que eu percebi é que, por aqui, os pais ainda não são apaixonados uns pelos outros, mas não conseguem transar, seja por falta de rotina em casa, seja por falta de uma rede de apoio, para deixar os filhos e poder sair para namorar; seja por falta de criatividade e até mesmo pelo cansaço do dia a dia.

Hoje eu não entro na estatística – minha vida sexual vai muito bem, obrigada – mas confesso que até o primeiro ano do Arthur, as coisas por aqui iam de mal a pior. Eu vivia cansada, o marido procurava e eu só dava patada. O sexo, naquela época, era a última coisa que passava na minha cabeça, afinal, só queria dormir.

Gestante namora e o bebê adora

Mas não sei precisar em quanto tempo, eu mesma percebi que aquilo estava errado que, ou eu ia voltar a namorar com o marido, ou iríamos virar amigos, irmãos, pais dos filhos, mas nada que nos fizesse um casal de verdade. E aí a ficha caiu! Demorou? Sim, mas deu tempo de voltar a sentir-me viva novamente.

É tudo uma questão de tempo. Não posso dizer para uma mãe de um recém nascido que ela deve voltar a transar com o marido imediatamente. Seria uma insanidade e irresponsabilidade da minha parte. No entanto, se uma mãe de uma criança de 02 anos, me disser que quase não tem vida sexual, aí eu vou dizer, menina, vai agora atrás do seu marido.

E tem uma coisa que eu escutava e não dava muita importância, mas que, hoje, eu sei que é verdade: quanto mais a gente transa, mais vontade a gente tem. Então se você não transa, o que acontece? A vontade não vem. Isso é comprovado cientificamente, viu?

Portanto, se você é mãe de um bebê de 01 ano ou mais já está na hora de começar a se animar com o maridão de novo, viu? E que tal preparar uma surpresa para hoje mesmo? Pode ter certeza de que os dois vão adorar!

Não poderia de colocar um texto super engraçado sobre o que esperar do sexo após a chegada dos filhos. Você vai se divertir!