Reflexões de Mãe, Relacionamento a dois

Não queira ser uma super mulher



Vou te fazer uma pergunta e seja muito sincera na resposta: você já se sentiu uma super mulher? Tipo assim, super esposa, super mãe, super profissional, super dona de casa, super, super, super? Eu já, e sabe o que aconteceu? Me lasquei! (desculpa a palavras, mas estamos num papo de amiga, então, tá valendo :P).

Pois é, minha amiga, não queira ser uma super mulher e sabe por que? Vou te dar 3 motivos para você entender que desista de ser super em tudo na vida.

  • Isso é uma fantasia!

Desculpa na franqueza, mas é isso mesmo, ser uma super mulher é apenas uma fantasia! Não temos a menor condição física, psicológica, fisiológica de sermos super. Podemos nos dar o máximo, mas, muitas vezes, queremos dar mais e mais, e simplesmente, não temos como. É ou não é verdade?

  • Quem mais sai perdendo é você!

Sabe por que quem mais sai perdendo é você? Simplesmente porque você vai estar sempre cansada! Aí vem um filho precisando de mais atenção, e você tá cansada; vem o marido querendo fazer estripulias, e você não tem a menor condição de sequer levantar o corpo da cama para dar um beijo daqueles; vem uma amiga, chamando para saírem, e você só consegue dizer “estou morta, preciso dormir. Só desejo isso”.

Leia também: Ser mãe é superar limites diariamente

E querem saber? Já me vi em todas essas situações, e no dia que resolvi, que não era mais super nada, comecei a me permitir errar, comecei a me permitir dizer “não”, sem me sentir culpada por estar tão cansada… tenta fazer isso, e você vai ver que libertação!

  • Pouco reconhecimento dos principais beneficiados!

Talvez a parte mais ingrata de querer ser super é justamente o pouco (para não dizer nenhum) reconhecimento dos principais beneficiados. E quem são eles? Só para enumerar alguns, marido, filhos, colegas de trabalho…

Você acha que seus filhos entendem que você, tentando ser super mãe, não consegue estar 100% para eles, porque está preocupada em acertar em tudo, preocupada em conseguir mais e mais dinheiro para comprar os melhores presentes? Pode ter certeza que não!

E o mesmo se aplica ao marido, aos colegas de trabalho e para todos que estão ao seu redor!

Permita-se não ser super, e descubra a mulher maravilhosa que você é, mesmo não sendo uma super mulher